neveO sonho do Alfredense se realizou no último dia 22 de julho de 2013. Neve! Muitos conheceram neve em Urubici, São Joaquim, Argentina, ou, como no meu caso, Estados Unidos e Canadá.
A neve, quando cai, torna as coisas mais bonitas. Aquele manto branco que cobre todas as coisas tem o dom mágico de tornar os marmanjos mais machões em verdadeiras crianças.
É… é isso mesmo, viramos criança!
O próprio da vida humana é o crescimento individual completo. As lutas do dia-a-dia devem servir para um aprofundamento espiritual contínuo e frequente.
Ocorre que ao longo dos anos, vamos deixando de lado a inocência da criança e nas lutas diárias vamos nos entregando a diversos vicios e pecados.
Vícios e pecados, sejam eles intelectuais, espirituais ou sociais, tem o poder de embrutecer nossa alma e de nos tornar insensíveis às maravilhas que Deus coloca ao nosso alcance.
A neve, um dos estados da água, tão simples quando sua formula H2O, tudo cobre e nos faz esquecer as coisas ruins. Tudo fica bonito com a neve por cima. Um monte de entulho vira um quadro maravilhoso quando coberto de neve.
É Deus batendo em nossas portas lembrando que as alegrias da inocência não podem ser deixadas de lado. Elas devem continuar conosco até o ultimo suspiro.
Mas tudo tem que ter equilíbrio e não pode ser exagerado. O maravilhoso quando é demais cansa e pode até nos deixar embrutecidos. Conheço pessoas que odeiam a neve.
Aproveitemos este momento único que poderá se repetir, talvez, só daqui a 50 anos. A neve já derreteu! As imagens continuam e esta edição  é histórica e ficará para sempre. Guarde este exemplar pois no futuro seus netos pesquisarão por estas páginas a nevasca de 2013. E, guarde em sua alma esta grande lição: a inocência da criança não deve ser abandonada, por mais difícil que a vida seja!

Posted in Sem categoria

Deixe um comentário sobre a notícia!