Físicos tentaram encontrar rastros de viajantes no tempo na internet, mas não tiveram sucesso

Emerson Alecrim
06/01/2014 às 13h27

Não é de hoje que a humanidade sonha com uma máquina do tempo, Hollywood está aí para provar. Mas, você já parou para pensar que pessoas do futuro podem finalmente ter criado um artefato do tipo e estão aqui nos visitando? Dois pesquisadores ficaram encucados com esta hipótese, tanto que resolveram utilizar a internet para encontrar possíveis indícios.

Pode parecer ideia de quem faz uso de substâncias oriundas de determinadas plantas inofensivas, mas Robert Nemiroff e Teresa Wilson, físicos da Universidade Tecnológica de Michigan, nos Estados Unidos, levaram a questão tão a sério que até publicaram um estudo a respeito. A ideia surgiu numa discussão durante um jogo de baralho, garante o primeiro.

No documento, a dupla explica ter pesquisado em serviços de buscas e redes sociais como Facebook e Twitter por termos relacionados a dois acontecimentos recentes: a descoberta do cometa ISON e a eleição do argentino Jorge Mario Bergoglio como Papa Francisco.

Neste ponto, talvez você já tenha entendido a metodologia: encontrar postagens que confirmem tais acontecimentos que tenham surgido antes de sua efetiva ocorrência. Dada a imprevisibilidade destes fatos, as chances de alguém que tenha acertado alguma previsão relacionada ser do futuro são grandes, portanto.

back_to_the_future

A dupla afirma ter feito um trabalho exaustivo, mas infelizmente não encontrou qualquer citação sobre o cometa ISON anterior a 21 de setembro de 2012, data de sua descoberta. Em relação ao Papa Francisco, escolhido como tal em março de 2013, houve uma única menção deste nome em um blog, mas que mais aparenta ter sido acidental do que “profética”.

Não satisfeitos, os físicos criaram as hashtags #ICanChangeThePast2 e #ICannotChangeThePast2 em setembro de 2013 e pediram para que viajantes no tempo as respondessem antes do referido mês, mas não houve qualquer retorno.

O insucesso da pesquisa, porém, não fez com que os físicos descartassem totalmente a possibilidade de viagens no tempo. Uma das razões sugeridas por eles é que pode ser fisicamente impossível ao viajante deixar rastros de suas passagens; de igual forma, pode ser impossível para nós encontrá-los.

Outra hipótese é que as pessoas do futuro tomam todos os cuidados necessários para não serem identificadas ou simplesmente não tenham feito qualquer manifestação sobre os assuntos pesquisados. Por isso, você pode manter as esperanças: no que depender da dupla, a busca continuará.

Com informações: Phys.org

Posted in Sem categoria

Deixe um comentário sobre a notícia!