Vistoria da Agesan na Estação de Tratamento de Esgoto Insular

A partir da fiscalização inicial feita pela Agesan em 2012 a Agência Reguladora emitiu um Termo de Notificação Emergencial para a CASAN relatando a questão das rachaduras no tanque de aeração da Estação de Tratamento de Esgoto Insular/Centro, em Florianópolis. Em seguida, a concessionária apresentou um estudo da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) onde apontava o problema e as possíveis soluções. Logo, a CASAN iniciou a licitação para contratar a empresa que faria a recuperação.

Desde então, a Agesan vem acompanhando todo o processo das obras no tanque de aeração desativado. A grande reclamação era devida uma rachadura no tanque.

Por conta disso, na última sexta-feira, dia 30 de maio de 2014, a equipe de fiscalização da Agesan esteve vistoriando a Estação de Tratamento de Esgoto Insular para verificar como estão as obras.

De acordo com a gerente de regulação, Luiza Kaschny Borges, a empresa responsável pela obra, contratada pela prestadora de serviço, ainda está no estágio de recuperação do tanque desativado. A obra é prevista para terminar final de julho início de agosto.

Lembrando que a ETE Insular trata o esgoto de 150 mil habitantes e opera apenas com um tanque em que a chegada de esgoto é de 350 litros por segundo. Naquela época a CASAN afirmou que o tanque não corria risco de entrar em colapso.

Karin Walli

Assessoria de Comunicação

www.agesan.sc.gov.br

(48)3665-4372 ou 3665-4350

img.gif?ukey=agxzfnNpZ25hbHNjcnhyGAsSC1VzZXJQcm9maWxlGICAgP2nrtAIDA&key=4069aa0b-844b-4cd3-9469-ccb30940e0c8

Posted in Sem categoria